top of page
Buscar
  • Foto do escritorVirtual Connection

Humanize o atendimento via chatbot e ofereça uma experiência excepcional ao seu cliente.

Chatbots estão cada vez mais presentes em nossas vidas diariamente, redefinindo como nos envolvemos com as pessoas e as empresas. Para as empresas eles são considerados uma forma de estreitar o relacionamento com seus clientes, com acessibilidade, agilidade, serviço sempre ativo e habilidades

humanas mesmo quando em contato com um robô.

As empresas de hoje enfrentam uma demanda cada vez maior e com desejo de um atendimento perfeito de 24 horas por dia, 7 dias por semana, os chatbots se tornam ainda mais atraentes. A maioria dos negócios afirmam que os chatbots são um novo diferencial para marca, mas como as empresas podem alavancar ainda mais a tecnologia do chatbot para melhorar seu relacionamento com os clientes?


Primeiramente, não desenvolva apenas um chatbot pensando em falicitar o atendimento, crie um chatbot que seja uma extensão da sua marca, que entenda as necessidades dos seus clientes, o que eles desejam, quais são suas dificuldades, para que assim você possa enxergar as oportunidades dentro de cada atendimento e saber como melhorar esse atendimento constantemente.

Além disso trabalhar com o uso de chatbots levantam algumas questões fascinantes de branding (gestão de marcas). Como é a voz da sua marca? Qual o posicionamento da sua marca? Qual seu público alvo e como ele costuma se comunicar? Como você deseja que seus clientes se sintam depois de conversarem e interagirem com a sua marca?

Responder a essas perguntas farão o seu chatbot ter um atendimento personalizado e que realmente seja a cara da sua marca, falicitando a identificação do seu público com a marca durante todo o atendimento.


Todo mundo sabe que bots são super espertos. Eles podem superar os humanos em termos de velocidade e acesso à informação. Mas é importante pensar em alguns pontos para que possamos tornar a comunicação deles com os cliente humanizada e não robotizada.

1. Pensar no usuário, não apenas no chatbot

Os usuários de hoje precisam sentir a liberdade da comunicação natural e confiar que o chatbot entenderá, ele precisa sentir como se estivesse realmente conversando com alguem por trás da marca.

Hoje as melhorias no processamento de linguagem natural acontecem todos os dias para ajudar a tornar os chatbots mais conscientes de uma comunicação natural.


2. Criar fluxos de conversação

Trabalhe com um expecialista em UX (experiência do usuário) no processo de fluxo de conversação para que ele possa diagramar e mapear conversas e diálogos reais. Você deve testar com clientes reais para garantir que faça sentido dentro do seu público.

Para criar um fluxo mais natural, também é importante alimentar o chatbot com uma variedade de respostas, para que o chatbot possa juntar frases únicas em vez de

repetir-se várias vezes. Falar muitas vezes a mesma coisa repetidamente, pode frustrar rapidamente os usuários, quando mais leve e mais próxima de uma conversa humana, mais fácil será dos seus clientes sentirem proximidade com a sua marca e consequentemente gostar e avaliar bem o atendimento.



3. Mantenha-se rápido

Os chatbots devem exigir que o usuário faça o mínimo de trabalho possível. Usar respostas práticas como: sim ou não para manter a conversa em movimento é muito importante para agilizar e facilitar o atendimento, também é importante permitir que seu chatbot preencha os formulários de forma automatica se baseando no histórico, lembrando dados e informações pertinentes. Ninguém quer preencher seu endereço, número de telefone e e-mail todas as vezes que entrar em contato com a empresa.


4. Manter contexto nas conversas

Embora manter o contexto seja fácil para os humanos, ainda é difícel para um chatbot fazer, para gerar contexto sé necessário mais empatia da máquina, o que leva a um melhor engajamento do atendimento.

Os chatbots devem ser capazes de aproveitar o contexto dinâmico para criar respostas personalizadas, quanto mais intimamente um chatbot conhece um usuário com base no histórico dele, melhor o chatbot pode atuar.


5. Injetar personalidade

Entenda qual a personalidade da sua marca e o que ela deseja transmitir. Todas as empresas devem usar seu chatbot como uma oportunidade exclusiva de branding para se diferenciar e encantar os usuários.


Embora um chatbot robótico e que não tenha sido programado da forma correta possa ser frustrante, um excelente chatbot pode criar conexões mais fortes com seus clientes e criar fidelidade à marca. Mensagens instantâneas não são mais sobre mensagens, são sobre falicitar o dia dia e gerar experiência.


Quer saber como um atendimento de qualidade pode mudar o seu negócio e como seu clientes veem a sua empresa? Comece agora mesmo entre em contato conosco! A Virtual Connection destaca-se na excelência da qualidade em soluções inteligentes no atendimento ao cliente há 14 anos. Caminhamos em conjunto com as transformações digitais e para isso contamos com qualificação constante de nossa equipe, tecnologia e métricas sofisticadas com as melhores estratégias para o seu negócio decolar.

22 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page